Voar é um desejo que começa em criança!

sexta-feira, 23 de março de 2012

Dia Meteorológico Mundial


ORDEM DO DIA

No dia 23 de março, a Organização Meteorológica Mundial (OMM) celebra o Dia Meteorológico Mundial com a escolha de um tema oportuno. Neste ano, em reconhecimento aos benefícios proporcionados pelos Serviços de Meteorologia de todo o mundo ao progresso da humanidade, o tema escolhido foi “O tempo, o clima e a água, motores de nosso futuro”.

A constatação de que as atividades humanas são influenciadas por esses fatores passou a exigir um Serviço Meteorológico de excelência, visando ao atendimento das necessidades de diversas áreas, dentre as quais os setores da economia, saúde,defesa civil, gestão dos recursos hídricos e energéticos, turismo e transporte. Nesse contexto, insere-se a Meteorologia Aeronáutica e sua contribuição para a Navegação Aérea, setor essencial para o desenvolvimento de uma Nação, gerando informações meteorológicas de importância vital para a segurança das operações aéreas e contribuindo para o conforto dos aeronavegantes, além de proporcionar o estabelecimento de rotas aéreas mais rápidas e econômicas.

O Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), responsável pela prestação do Serviço de Meteorologia Aeronáutica no Brasil, objetivando prover a segurança e a fluidez do tráfego aéreo, não mede esforços no sentido de ampliar e modernizar sua Rede de Estações e Centros Meteorológicos, responsáveis pelo monitoramento contínuo do meio atmosférico, pela coleta de dados meteorológicos e pela elaboração e divulgação de informações meteorológicas no espaço aéreo sob a responsabilidade do Estado Brasileiro.

Nesse sentido, o DECEA vem desenvolvendo diversas ações na busca da excelência dos Serviços Meteorológicos Aeronáuticos prestados, tais como: a modernização do Banco Internacional de Dados Operacionais de Meteorologia (Banco OPMET), instalado no Centro Nacional de Meteorologia Aeronáutica (CNMA), que possibilita maior armazenamento de informações meteorológicas que são difundidas internacionalmente; a automação de suas Estações Meteorológicas de Superfície; a atualização dos sistemas das Estações Meteorológicas de Altitude; a revitalização de seus Radares Meteorológicos; a modernização de seus Centros Meteorológicos; a adequação dos cursos de Meteorologia do Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA) aos novos procedimentos operacionais dos Órgãos de Meteorologia; e a participação em cursos de Pós-Graduação em Meteorologia em convênio com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

Recentemente, o DECEA desenvolveu o Sistema Automatizado de Registro e Gerenciamento de Observações Meteorológicas (WEBMET), que permite o envio de dados meteorológicos coletados nas estações meteorológicas de superfície e de altitude localizadas em diversos pontos do país ao Banco OPMET e ao Banco de Dados Climatológicos (BDC), provendo o Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB) de uma base estatística de dados climatológicos de superfície e de altitude, aplicáveis à aviação e ao planejamento estratégico, técnico e operacional, bem como fornecendo produtos climatológicos a vários órgãos do Comando da Aeronáutica e a diversas instituições públicas e privadas.

Não podemos deixar de citar a Rede de Meteorologia do Comando da Aeronáutica(REDEMET), que tem como objetivo integrar os produtos meteorológicos voltados à aviação civil e militar, visando tornar o acesso a estas informações mais rápido, eficiente e seguro, e alguns projetos que estão em andamento, como o sistema de Coleta de Dados Meteorológicos em Aeronaves, que será concebido para processar e armazenar os dados meteorológicos de altitude, derivados de sensores de bordo de aeronaves, o que trará um significativo avanço para a climatologia aeronáutica, e o D-VOLMET, que permitirá o intercâmbio de informações meteorológicas entre as aeronaves em voo e os Centros Meteorológicos, através de canais de dados, em tempo real, permitindo que tais informações estejam disponíveis na cabine de comando das aeronaves.

Esta Direção tem plena consciência de que nada disso seria alcançado sem a dedicação e profissionalismo daqueles que trabalham em prol do Serviço de Meteorologia Aeronáutica do SISCEAB, nas diversas Organizações do Comando da Aeronáutica espalhados pelo Brasil, garantindo a excelência do dado coletado e dos serviços prestados aos usuários da navegação aérea nacional e internacional. Assim, expresso minhas homenagens a todos por ocasião do Dia Meteorológico Mundial.

Ten Brig Ar Ramon Borges Cardoso
Diretor-Geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo

Visite: REDEMET